domingo, 13 de junho de 2010

Hoje meus olhos já não enxergam, já não sinto paladar ou gosto algum pela vida. Me desespero sabendo dos meus atos inpulsivos.

Mas é melhor sofrer tudo de uma vez, do que ir por migalhas!

Talvez não poderei existir por alguns momentos e minha ausência não lhe afetará.

Se novamete de meus olhos cair uma lágrima, eu não resistirei e irei por um fim no início dessa história incompleta...

Sem mágoas, sem receios, sem feridas. Eu matarei uma parte de mim e a outra ficará contigo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário