quarta-feira, 16 de novembro de 2016

vivo

jovens gostaria de informar que estou vivo ...

sábado, 2 de fevereiro de 2013





Acreditar em destino,
encarar a realidade,
levantar a cabeça,
sacudir a poeira,
dar volta por cima,
viver a vida,
esquecer, esquecer, esquecer...

Quanto tenho ouvido isso!
Parece fácil,
até mesmo possível.
Não chega ser um problema,
mas pronto para ser solucionado.
É só tentar e conseguir.
Mas como?
Se não tenho feito outra coisa.

segunda-feira, 29 de outubro de 2012




Meu coração já cansado de apanhar
 persiste em bater
 Meus pulsos cortados
 mas minha alma que sangra
 dia apos dia .. no anseio de redenção,
 na esperança de encontrar a felicidade,
 que leve embora toda essa angustia ,
 todo esse sofrimento que reside em meu coração..

domingo, 12 de agosto de 2012

não vou escrever algo bonito , minha tristeza não e bonita , eu tenho raiva do que sou , do que me tornei sem perceber , entorpecido dopado de tanto anti-depressivo, comprei minha felicidade em uma farmácia me tornei um idiota acordo antes do remédio fazer efeito choro feito criança e me arrependo a cada segundo de ainda persistir no erro de continuar minha vida , me sinto refém da meu corpo mutilado ... Eu me destruí deixei o Ramon ser corrompido pelo sistema e assisti ele morrer de overdose de sentimentos , amor, ódio, vontade de vencer tudo se foi não me resta nada.. 
EU tive tantos planos... me sentia amado , queria uma família filhos aquela coisa fantástica de  encontrar a felicidade eterna ate o ultimo segundo de vida com pequenas coisas , mas que dariam um real sentido a minha vida.....
Meus planos eram sonhos , ilusões de uma mente insana jah não aguento mais isso tudo , solidão , drogas, doença , ÓDIO ... só desejo a morte
 Amor eu te odeio ate os ossos....
 


FELIZ DIA DOS PAIS !  RSRSRSRSRSRSRSR  PALHAÇOS...

segunda-feira, 16 de julho de 2012

eu sou o seu oposto .. sou seu reflexo diante do espelho que se pudesse atravessar o mundo preto e branco meu tocaria tua mão so pra saber se você e real mesmo.. tocaria teu rosto perfeito , minha triste imperfeição. A cada lagrima que se derrama vou perdendo um pouco de minha alma. Não sinto mais nada alem de dor e sofrimento. Pra voce o mundo e lindo colorido, meu mundo e somente cinza e escuro como a dor.. tudo se tornou incerto a cada despertar meu pode ser o ultimo . me mutilo me maltrato tento adiantar o final queria que fosse simples tal qual adormecer . ou como uma pétala que cai levada pelo vento. A vida se tornou difícil demais , dores ,convulsões ,desafetos ,desamores. Mentiras ,incertezas ,ilusões mutilam meu ser já que não agüento mais este fardo carregar prefiro flertar com a morte e deixa La me beijar...

domingo, 25 de março de 2012

uma noite triste fria.
um rapaz sentado em sua cadeira.
pegou uma arma..
correu os dedos pelos cabelos.
ele se sentou e chorou enquanto pensava.
tudo o que aconteceu
Foi tudo minha culpa
ligou para sua unica amiga .
ele disse que ia ir embora ..
que isso tudo ia ser melhor
e disse a ela
"Eu te amo mais do que nunca"
ele disse "confie em mim
isso e o melhor pra min.
você vai ver.
porque depois que eu for embora
não vai haver mais luta, você vai ser livre "
ele pegou uma bala e colocou na arma
disse: "Eu te amo tanto
mas agora eu tenho que partir "
ele disse: Eu gostaria de poder voltar para antes e fazer tudo diferente "
então desligou o telefone
e puxou o gatilho contra o proprio peito..
olhou para o peito..
a dor cresceu mais..
seus olhos se encheram de lágrimas
e começaram a derramar correndo pelo seu rosto.
assim como sua família correu ao ve-lo caido no chão..

sábado, 17 de março de 2012

Perdoa-me, luz das manhãs,
a pedir-me que a ti me rendas
e me encontras inerte ao teu brilho,
indiferente a tuas oferendas.

Perdoa-me, amigo,
por me sentir tão sozinho,
por não dividir contigo
as mazelas que trago comigo...

Perdoa-me, vida,
que a mim se apresentou florida,
e que no dia a dia, despetalei,
deixando-te a dor mais ressentida.

Perdoa-me, poesia,
se te sinto pobre, vazia,
se te quero minha companhia
e te faço chorar lágrimas minhas.