quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Você é como uma ficada, eu sei que você machucou
E eu também me machuquei, nós empatamos
Eu te vejo lá fora, você nunca se importa
Uma conversa que nunca compartilhamos..
Mas isto é tão estranho, isto é algo novo
Sensações maravilhosas que eu tive com você
Eu fecho meus olhos quando estou sozinho
Pensando como seria bom fazer você gemer
Eu quero te dar algo melhor
Que tudo que você já teve
Um amor forte e rápido
O mundo desaparecerá tão rápido
Seus sucos derramando embaixo do meu queixo
por favor, me deixe ficar
Não pare antes de começar
Então desista, e não finja
E esparrame seus braços e pernas pela cama
E quando você tremer, você não lamentará
As coisas que eu sussurro em sua orelha...

Um comentário: